Resenha - Veronica Roth - Divergente

Postado por Book Lover Brasil










Numa Chicago futurista, a sociedade se divide em cinco facções – Abnegação, Amizade, Audácia, Franqueza e Erudição – e não pertencer a nenhuma facção é como ser invisível. Beatrice cresceu na Abnegação, mas o teste de aptidão por que passam todos os jovens aos 16 anos, numa grande cerimônia de iniciação que determina a que grupo querem se unir para passar o resto de suas vidas, revela que ela é, na verdade, uma divergente, não respondendo às simulações conforme o previsto.
A jovem deve então decidir entre ficar com sua família ou ser quem ela realmente é.

E acaba fazendo uma escolha que surpreende a todos, inclusive a ela mesma, e que terá desdobramentos sobre sua vida, seu coração e até mesmo sobre a sociedade supostamente ideal em que vive.


♥ NOTA








♥ Informações

ISBN: 9788579801310
Editora: Rocco
Páginas: 504
Ano de Lançamento: 2012

Skoob

♥ Comprar

AmericanasFnacExtraSaraivaCompare Preços

♥ RESENHA

Eu já havia visto este livro algumas vezes, mas nunca tive muito interesse por ele. Por que? Não sei ao certo, acho que não havia chegado a minha fase pós-apocalíptica ainda.

Bem antes de tudo tenho de dizer que este é um dos melhores livros que já li. A Veronica realmente é uma excelente escritora e monta muito bem a estória. Há ação, romance, traição e o melhor, eu consegui ver o crescimento, os sentimentos e medos dos personagens perfeitamente.

Mas então, a estória é contada em primeira pessoa pela Beatrice, que é aquela mocinha que apesar de você adorar tem horas que vai querer matar. O mocinho Quatro é o quase bad boy, ou seja, aquele que se faz de difícil mas você percebe na primeira frase dele que na verdade é o cara mais bacana do livro todo. Porém eu gostei desse casal, acho que eles tem uma química incrível e apesar de não serem tão diferentes, eles se atraem muito bem. 

Outro ponto que eu tenho a favor deste livro é que os personagens secundários são muito marcantes, a gente não consegue esquecer da família da Beatrice, dos mal ou dos "amigos". Não posso falar muito deles, pois se não entrego o ouro, mas eles não são sem sal como acontece na maioria dos livros.

Sobre o modo como a Veronica organizou a estória, como já disse é incrível!  Achei inovador e muito inteligente o modo como ela formou a nova sociedade do mundo. Essa divisão entre facções é muito fácil em se ter em mente e assustadoramente atual.

Tenho de dizer que este livro me fez pensar muito na nossa sociedade, na nossa humanidade e nas nossas escolhas. Podem achar que eu estou exagerando, mas o clima do livro é bem propicio (kkkk)

No momento estou até com medo de ler o segundo, Insurgente, pois quando se tem expectativas de mais, as coisas acabam te decepcionando. Mas eu realmente recomendo esta serie, principalmente para quem gosta do estilo de The Hunger Games.







2 comentários:

Comentários
2 Comentários
  1. ele tambem nao me chamou muito a atençao..
    mas estou cada vez mais interessada nele!!
    espero poder ler-lo em breve..

    Beeijinho. Dreeh
    Livros e tudo o que há de bom

    ResponderExcluir
  2. Olha, li uma versão do Insurgente que está lá no 100% Leitura e posso dizer que amei!!!!!!!!! Ela não só mantém o clima como consegue nos surpreender!!! Vale a leitura! Ah, e tem um capítulo extra com a visão do Quatro sobre o final do Divergente também...

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...