Resenha - Meg Cabot - A Terra das Sombras (A Mediadora - Vol. 1)

Postado por Book Lover Brasil













Suzannah é uma adolescente aparentemente comum que tem um problema com construções antigas. Não é para menos. Afinal, muitas dessas casas velhas são assombradas. E Suzannah é uma mediadora, uma pessoa capaz de ver e falar com fantasmas para ajudá-los a descansar em paz. É claro que esse dom lhe traz muitos problemas. Mas nem ela poderia saber a gravidade do que encontraria ao mudar-se para Califórnia.

♥ NOTA








♥ Informações

ISBN: 9788501068712
Editora: Galera Record
Páginas: 284
Ano de Lançamento: 2004


Skoob


♥ Comprar

AmericanasSaraivaSubmarino | Compare Preços


♥ RESENHA

-Por quê?-berrava Heather.-Por que está fazendo isto comigo?
-Por que eu sou a mediadora.-respondi."

(A mediadora:Terra das Sombras-Meg Cabot-Página 249)

Existem autores que você, leitor, sempre ouve falar, e Meg Cabot é uma delas.Por não ter lido nada dela, me desafiei e iniciei a série A Mediadora, que me encantou e me fez compreender Meg Cabot.

O livro conta a história de Suzannah (não chores por mim) uma menina orfã de pai, que vê sua mãe casando de novo e tem que se mudar de Nova Iorque para o norte da California e morar com sua mãe, padrasto, e meio-irmãos, Dunga, Mestre e Soneca, como ela chama carinhosamente.Ela seria uma garota normal se não fosse por ela ser uma mediadora, pessoa que vê almas e tem a missão de fazer eles irem para o outro lado.

Eu não costumo contar muito da história, por isso, vamos aos personagens.

Suzannah é uma das protagonistas mais interessantes que me deparei nos últimos tempos, divertida, irônica e te guia por uma narrativa que você não deseja parar.Ela é bem diferente de mim, o que me fez gostar dela instantaneamente.E a forma como ela lida com os fantasmas, me arrancou risos.Além de o livro nos guiar pela sua mente e seus pensamentos, que sempre me divertiam.Corajosa, meio inconsequente, mas ainda assim ela me conquistou com seu jeito irresponsável.

Logo no início do livro, eu me apaixonei por Jesse, o fantasma " cowboy" com tanquinho.Ele é tão protetor, e realmente gosta da Suzannah, o que me conquistou. Ele tem um ar de homem e eu queria que ele tivesse aparecido mais, passava cada página a sua procura.Ela, Suzannah, se derrete por ele mas não admite e sua história revelada nos encanta.

E então tem o Bryce Martinson, que eu realmente não entendi o que ela viu nele, não consegui ver beleza nem nada demais. Então eu espero que ela não se apaixone por ele nos próximos livros.

E o livro traz a Heather, a fantasma insana que quer matar a todos, principalmente Bryce, seu ex. E devo destacar os meio irmãos, Padre Dominic e os amigos de Suzannah.

Eu amei esse livro, o li tão rápido, que no fim eu lerdei para que não acabasse, estarei lendo assim que possível os próximos.

Meg Cabot me conquistou por sua narrativa tão cativante, íntima e jovial, que nos seduz e nos prende de uma forma que nunca vi.Foi uma grata surpresa em relação a autora.

A Galera Record fez um ótimo trabalho com a capa, e com a fonte e a diagramação, apresentando dois mínimos erros de português que eu mal reparei.

Apaixonada por A Mediadora.









Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...