Resenha - Meg Cabot - O arcano nove

Postado por Book Lover Brasil









Para uma adolescente, trocar de cidade pode ser um trauma. Para Suzannah, a mudança de Nova York para Califórnia está sendo ótima: novos amigos, muitas festas e dois caras bonitões e muito interessantes. Só que um deles é um fantasma. E o outro pode matá-la. Suzannah é uma mediadora, uma pessoa capaz de se comunicar com os mortos e resolver as pendências deles na Terra. A velha casa para onde se mudou com a mãe e o padrasto é assombrada por Jesse, um fantasma jovem e gentil. Como Jesse não liga muito para ela (e, além do mais, está morto), Suzannah se entusiasma com o interesse de Tad Beaumont, o garoto mais cobiçado da cidade. Mas o fantasma de uma mulher, cujo assassinato pode ter relação com um mistério no passado de Tad, a atormenta. E a vida de Suzannah pode estar ameaçada. Ser adolescente é complicado. O que dizer de uma garota que precisa dividir sua atenção entre a própria vida e a morte dos outros? No segundo livro da série "A Mediadora", Meg Cabot, autora de "O Diário da Princesa", volta a juntar ação, romance e suspense sobrenatural a esta já conturbada fase da vida.


♥ NOTA






♥ Informações

ISBN: 9788501068699
Editora: Galera
Páginas: 269
Ano de Lançamento: 2005


Skoob


♥ Comprar

SaraivaSubmarino 



♥ RESENHA


"O Arcano Nove-dizia a explicação.-O eremita,a nona carta do tarô,guia as almas dos mortos para além da tentação das fogueiras ilusórias ao lado da estrada,de modo que possam ir direto ao seu objetivo mais elevado. "(Página 267)


PODE CONTER INFORMAÇÕES DO PRIMEIRO LIVRO

Depois da minha paixão a primeira lida sobre o primeiro livro, eu tive que ler o segundo apesar da minha pilha de leitura que não para de crescer, e eu fiquei um tanto decepcionada.

O livro ainda conta a história de Suzannah, que dessa vez começa a se interessar por um garoto, Tad Beuamont, lindo(aos olhos dela) e popular, que ela foi jogada para dançar e ele acaba se interessando.

E em meio a sua quase queda pelo Tad e sua paixão declarada por Jessie, o fantasma lindo que mora no quarto dela, uma fantasma que apenas grita, aparece para que ela lide com mais uma vez com sua missão de mediadora.

Puderam reparar minha implicância com todos os garotos vivos que aparecem na vida da Suzannah, mas nenhum deles me mostram características cativantes o bastante para que eu goste. São populares, bonitos e idiotas! O Tad foi um idiota durante todo livro, e mesmo assim importante para Suzannah.

E temos Jessie, cada dia mais fofo e lindo, mas preocupado e cuidadosa com a Suze, eu o adoro e quero que role algo com eles.

Mas o foco principal do livro é a família Beaumount, e seu passado desconhecido e tenebroso, que te prende apesar de não ser tão cativante quanto o primeiro livro.

Meu maior problema neste livro foi o Tad e o mistério que ronda o livro, que embora não faça você largar a leitura, não te cativa mais tanto assim.

A escrita da Meg e a narrativa da Suzannah fez com que começasse a ler o próximo livro da série: A reunião.






1 comentários:

Comentários
1 Comentários
  1. Oi!
    Gostei bastante desse livro. Bem doidinho como os outros da série.
    Estou lendo o quarto livro. Está ficando muito bom, e já ri um bocado...

    Beijos
    http://glowofthemoonlight.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...